Agendamento para cadastro da biometria pelo TRE acontece em 34 municípios de Pernambuco

Biometria tem objetivo de tornar as eleições mais seguras (Foto: Reprodução/TV Santa Cruz)

Tribunal cadastrou 570 mil dos 633 mil eleitores que precisam passar pelo processo, mas tem registrado baixa procura em algumas cidadesdo estado.

Dos 38 municípios pernambucanos que iniciaram o cadastramento biométrico no ciclo 2016-2018, 34 ainda aguardam eleitores para realizar o procedimento. Em algumas cidades da Região Metropolitana do Recife, como Cabo de Santo Agostinho, Camaragibe e São Lourenço da Mata, o Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE) registra baixo comparecimento de eleitores.

Na Zona da Mata, os municípios de Carpina e Ribeirão também registram pouca procura do eleitorado para o cadastramento da impressão digital. “A gente quer atingir a meta de 633 mil eleitores com biometria cadastrada. Até o momento, há 570 mil. A dificuldade para atingir a meta é causada pela apatia do eleitorado”, comenta Eduardo Lucas, coordenador do grupo gestor da biometria de Pernambuco.

O prazo para comparecer ao cartório eleitoral e fazer o cadastro da biometria termina no dia 15 de dezembro para os municípios de Pombos, Tuparetama, Santa Cruz da Baixa Verde, Verdejante e Santa Terezinha.

De acordo com o representante do TRE-PE, o eleitor pode conferir no site do órgão quais as cidades pernambucanas que têm revisão obrigatória para a biometria. “Nem todo eleitor está obrigado a comparecer, somente aqueles que votam nas cidades que estão passando pelo processo”, afirma. Ainda na página, é possível fazer o agendamento.

O TRE orienta que o eleitor faça o agendamento, mas informa que faz o atendimento mesmo sem marcação prévia – a pessoa pode ter que aguardar um pouco mais do que aqueles que agendaram, mas será atendida.

Fonte: G1 Pernambuco

Leave a Reply