• CONVOCAÇÃO PARA ASSEMBLEIA EXTRAORDINÁRIA DE REFORMA DO ESTATUTO DA ASPPAPE DIA 11 DE ABRIL DE 2019

  • “Corpos sem nome” ou abandonados pela família lotam salas do Imol

    A câmara fria onde ficam os corpos armazenados no Imol (Foto: Marina Pacheco)

    …identificar os corpos não é atribuição do Imol. O Instituto de Identificação é que deve fazer esse trabalho.

    “A capacidade da câmara fria é em torno de 24. A situação já está beirando os 40, com 10 não identificados”. Assim resume o diretor do Imol (Instituto de Medicina e Odontologia Legal) Carlos Idelmar de Campos Barbosa, sobre a situação dos corpos armazenados no Instituto.

    O diretor trabalha cercado de papeis na mesa, registros de liberação de corpos que um dia foram pessoas, tiveram famílias e memórias. No Imol, no entanto, acumulam-se no espaço restrito, congelados em temperatura que variam de -5 a -10 graus. Dos cerca de 40, muitos ali estão porque ultrapassaram o tempo para que as famílias viessem buscá-los, ou porque não têm nenhuma identificação, caso de 10 corpos dessa lista. Alguns estão há meses, outros há um ano.

    [Leia mais…]
  • Software de identificação facial da Amazon usado pela polícia fica aquém da precisão e do viés

    Software se esforça para passar em testes básicos.

    O software de reconhecimento comercial, desenvolvido pela Amazon e comercializado para as autoridades norte-americanas como uma ferramenta poderosa de combate ao crime, se esforça para passar por testes básicos de precisão, como identificar corretamente o sexo de uma pessoa.

    Pesquisadores do MIT Media Lab disseram que o sistema Rekognition teve um desempenho mais preciso ao avaliar rostos de pele mais clara, levantando preocupações sobre como resultados tendenciosos poderiam manchar o uso da tecnologia de inteligência artificial pela polícia e em locais públicos, incluindo aeroportos e escolas.

    [Leia mais…]
  • Tecnologia de reconhecimento facial ajuda a identificar fraudes em documentos

    Tecnologia ajudou a idenficar fraudes feitas por contadores para abrir empresas  — Foto: Reprodução/TV Anhanguera

    Irregularidades foram identificadas durante a operação Walking Dead. Fotos e dados falsos foram usados para abrir empresas e sonegar impostos.

    Uma tecnologia de reconhecimento facial ajudou a polícia a identificar fraudes em documentos. As irregularidades foram descobertas durante a operação Walking Dead e teriam sido feitas por contadores suspeitos de criar empresas com nome falso e de pessoa morta para sonegar impostos, gerando dívidas com o Fisco no valor de R$ 7,5 milhões.

    A TV Anhanguera teve acesso aos laudos da investigação. Para desvendar o caso foi usado um novo método de exame no Instituto de Identificação que permite o reconhecimento através do rosto.

    [Leia mais…]
  • Emissão de vias extras de RG gerou prejuízo estimado em R$ 5,8 milhões aos cofres públicos

    O valor do prejuízo calculado se baseia em uma planilha de custos elaborada em 2016.

    Cuidar bem do documento de identidade é uma forma de economizar recursos públicos. No ano passado, o Amazonas teve prejuízo estimado em R$ 5,8 milhões com a emissão de novas vias de Registros Gerais (RG) para cidadãos que já tinham o documento, mas que o perderam ou extraviaram. Do total de 286.157 documentos expedidos, 51,7% foram para segundas vias. 

    Em janeiro de 2019, foram emitidas 27.014 carteiras de identidade. Desse total, 11,1 mil foram outras vias. Os dados são do Instituto de Identificação, órgão vinculado ao Departamento de Polícia Técnico-científica (DPTC) da Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM). 

    [Leia mais…]
  • Defensoria registra aumento por isenção de taxa de Registro Civil

    O diretor do Instituto de Identificação, explicou que alguns procedimentos tiveram que ser revistos após a intervenção do órgão. “Um dos procedimentos adotados é o cumprimento da Resolução nº 63/2017 do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e demais normas e leis do Brasil.

    A Defensoria Pública do Estado de Sergipe registrou grande demanda de registro civil. Só no mês de janeiro deste ano, foram expedidas 627 solicitações de isenção de taxa de certidão de nascimento e casamento, um índice de 289% se comparado ao ano de 2018, que foi de 217 ofícios expedidos.

    E para entender melhor esse recorde de atendimento, o corregedor geral da Defensoria Pública, Jesus Jairo Lacerda e a subcorregedora geral, Andreza Tavares se reuniram com o diretor do Instituto de Identificação, Jenilson Gomes e as assistentes sociais Maria das Graças Ribeiro e Joanes Soares. “O número de pessoas que recorrem à Defensoria Pública para solicitar ofício para isenção de taxa de registro civil aumentou consideravelmente.

    [Leia mais…]
  • Contadores são presos em Araguaína suspeitos de sonegação fiscal milionária e fraudes

    Dois contadores foram presos na operação

    A polícia disse que exames prosopográfico e datiloscópico feitos pelo Instituto de Identificação constataram que as fotografias e impressões digitais dos documentos…

    Dois contadores de Araguaína foram presos durante uma operação da Polícia Civil que investiga a abertura de empresas em nome de pessoas que não existem ou que já faleceram.

    Além das prisões, a operação ‘Walking Dead’ realizada pela Delegacia Estadual de Repressão a Crimes Contra a Ordem Tributária (DOTE), deflagrada na tarde desta quarta-feira (13), também cumpriu 06 mandados de busca e apreensão.

    [Leia mais…]
  • Instituto de Identificação emite RG para famílias com crianças com microcefalia

    Vanessa Ferreira levou seu filho de apenas 2 anos portador de autismo para tirar sua primeira carteira de identidade

    Ação beneficiou ainda moradores do conjunto Paulo Bandeira, no Benedito Bentes.

    “Nada é mais deficiente que o preconceito e nada é mais eficiente que o amor”, foi com essa frase que a Associação das Famílias de Anjos recebeu, nesta quinta-feira (14), dezenas de famílias de todo Estadas para uma ação itinerante de serviços públicos. Entre eles, a emissão da primeira via da carteira de identidade pelo Instituto de Identificação de Alagoas.

    A ação foi aconteceu na sede da ONG no conjunto Paulo Bandeira, no bairro do Benedito Bentes. Além da emissão do RG, o mutirão ainda contou com serviços da Secretaria de Estado de Prevenção à Violência (Seprev), Secretaria de Saúde (Sesau), Corpo de Bombeiros (CPMAL) e outros serviços oferecidos pela própria comunidade, como cortes de cabelo e oficinas de pintura.

    [Leia mais…]
  • Identificação facial e papiloscópica da Polícia Civil é destaque em operações de combate à criminalidade no Tocantins

    Identificação de suspeitos por meio de laudos prosopográficos de identificação facial e papiloscópicos, de confronto de digitais.

    Os resultados da operação “Walking Dead”, deflagrada na última quarta-feira, 13, em Araguaína, no Norte do Estado, contaram com um trabalho minucioso de identificação de suspeitos por meio de laudos prosopográficos de identificação facial e papiloscópicos, de confronto de digitais. Os trabalhos, realizados por papiloscopistas do Instituto de Identificação da Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP), iniciados no segundo semestre de 2018, já obtiveram sete resultados positivos até o momento.

    [Leia mais…]
  • Nota de pesar

    Resultado de imagem para MOURNING

    Falecimento do pai da Perita Papiloscopista Denise Guimarães.

    Foi com grande pesar que a Associação dos Peritos Papiloscopistas Policiais Civis do Estado de Pernambuco – ASPPAPE recebeu a notícia do falecimento do comissário de polícia civil João Antônio Coutinho Guimarães pai da perita papiloscopista Denise Guimarães, falecido no dia 26 de março de 2019, no Hospital Português. O velório está sendo realizado no Cemitério São Sebastião em Carpina, com sepultamento previsto para às 18:00hs.

    À família enlutada apresentamos nossos mais sinceros e profundos sentimentos de solidariedade e respeito pela imensa dor que, com certeza, invade a alma e abala a concepção de vida.

    Que Deus conforte todos os familiares e amigos nesse momento.

    Descanse em paz!

    A DIRETORIA